Total de visualizações de página

domingo, 31 de março de 2013

Meu encanto



Sua alma, meu encanto,
E esse brilho nos olhos castanhos,
Reflexo no espelho,
Luzes no salão,
Seus olhos no meu, 
Sem acordos pra aceitação!
E as cores berrantes,
Berram por instantes e no beijo se calam.
A calejada mão,
A madeira bruta, o esconde, esconde,
Os ombros deliciosamente cansados,
São meus! 
Sem CPF, sem identificação.
Quero você!
Quero ser abraçado no mínimo, três vezes ao dia
Necessito de você presente,
 Preciso de sua compania falada,
Dessa pessoa estabanada, sorridente, querida
Necessito de você vida! 
Bem aqui do meu lado, 
Bem aqui por perto,
Necessito de você, meu Oasis, 
Aqui, nesse meu deserto!

Di Vieira

Nenhum comentário:

Postar um comentário