Total de visualizações de página

sábado, 9 de março de 2013

DOCE DULCE




Encostei minha cabeça em teu colo,
Senti o toque de tuas mãos,
E ficamos assim!
Dois em silêncio!
Agora a felicidade é chamada sossego!
Mas tempos bons em que o seu chamego,
Arrepiava-me a pele!
Dulce, menina que voa no espaço.
Orbitando entre frases e palavras soltas,
Flutuando nos sorrisos breves,
Descobrindo o sentido das dores.
Prelúdio dos amores atrevidos,
Expostos nas letras que imaginas,
Nas lendas que contas.
Feliz sou eu que tive você, 
Um mundo em meus braços!
Respirei teu sopro, senti a força da tua paixão.
Como eu te amei! 
Amei-te e te amarei ainda quando for!
Se ficares amor meu, não chores tanto!
Não deixe o pranto apagar o que foi bom.
Jamais ficaras sozinha, nunca ficaremos!
Somos dois e uma linda história de amor!
Sem esmeros, mas cheia de ternura e encanto.
Portanto, fique firme!
Não há distância que nos separe,
Nunca haverá separação minha querida!
É só um tempo, um longo tempo,
Longe de você, minha doce vida !


Di Vieira

4 comentários:

  1. Pra você Dulce Morais com o meu carinho!

    ResponderExcluir
  2. Querida Di,
    Este título... Oh, este título... Era assim que ele me chamava...
    Muito obrigada, Di, pelo doce presente!
    Soube tocar minh'alma. Profundamente. A tal ponto que me faltam palavras...
    Um enorme abraço!

    => Crazy 40 Blog
    => MeNiNoSeMJuIz®
    => Pense fora da caixa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz minha qrida! Receba mais uma vez o meu carinho! Abração!

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir