Total de visualizações de página

sábado, 21 de setembro de 2013

#Urgente!




Solicitei remédio urgente!
Gente, minha doidice anda a toda!
Minha vontade, não tem mais vontade,
Minha boca já não ri de tudo.
Fico mudo até na fila do SUS!
Ando procurando minha alegria,
Vou pedir com muita simpatia, pra ela ficar.
Imagine que hoje, levantei pra ver o mar, e nada!
Nada pra nadar, nada pra andar, nada pra boiar!
Aliás, necas de mar!
Olhei muito bem, mas o mar não estava lá!
Onde foi parar o mar?
Pela minha insanidade,
Solicito remédio urgente!
E diga a todos na cidade,
Que um impaciente carente,
Suplica por gentileza, 
Um ouvido!
Solicita abraços comprimidos,
Pílulas de carinhos em camadas
Doses generosas de afeto,
Direto, 
Uma porção de sorriso,
Gargalhadas, 
Várias, todas sem noção,
Pra manter meu coração de criança.
E não esqueçam de trazer,
Umas partes iguais de amor, e esperança,
Tratem bem do meu coração,
Você sabe bem como é né?
Loucos são crianças,
Que precisam de proteção.


Di Vieira




Nenhum comentário:

Postar um comentário