#Sedução!



Amo...
Como o beija flor que se encanta,
Com a flor vaidosa, em seu desabrochar ,
Como o rio, que inocente se entrega 
As formosuras e encantos do mar.
Amo, mas não sei explicar!

Amo...fantasmas
Num infinito de cores,
Caindo de amores pelo arco-íris, 
Ouvindo o cantar de um tesouro,
Perdido entre os potes de ouro,
Que ninguém jamais pôde encontrar.

Amo...
Porque me ausentam os sentidos,
Porque escuto zunidos, 
Como dos sinos em santuário,
Porque sou primário em questões de paixão,
Amo como um louco,
Amo como poucos, 
Amo sem saber a razão!


Di Vieira


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Benditas estradas, sinuosos caminhos

Juliana

Luz, câmera, ação!