O que somos?


O que somos? Máquinas?
Somos máquinas ou quem sabe um conjunto de carne e ossos em movimento, sem coração, sem alma?
As vezes temos a impressão de que alguém se importa, que temos voz, que de alguma forma somos importante, e até queremos ser, pois de certa forma faz bem para o nosso ego, nossa autoestima.
Mas o que vemos no entanto é a injustiça que se propaga tendo como base a ganância, e em nós o desânimo teima e se acomodar. Só Deus na causa!
Os poderosos que pede resiliência dos simples mortais, se esquecem que são seres que deveriam por princípio pratica-la,
Mas eles não se importam!
ellos no cuidan!
Eles não se importam!
a loro non importa!
Doenças, mortes, conflitos, dificuldades, insegurança, sofrimentos dos outros?

Eles não veem,
Eles não se importam!

Se acham imunes as dores e as mazelas dos simples mortais.
Por eles não têm nenhum sentimento de humanidade, sugam suas forças e o seu sangue como vampiros, e quando acham que não tem mais serventia, os jogam fora sem nenhum pudor! 
Por isso pergunto: Existe afinal justiça nesse mundo?
Se existe, por favor, quando esses seres serão punidos?
"Não somos máquinas, gente é o que somos!"
Mas " eles" não se importam!
Eles não se importam! 
Nie obchodzi ich to!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Benditas estradas, sinuosos caminhos

Juliana