Só pra você saber




Todas as manhãs quando acordo,
Quero ir!
Todas as manhãs quero ir e não sei porque,
Desisto!
Desisto e insisto em você!
O brilho que havia em meu olhar,
Jaz afogado em mágoas de antigas ilusões!
Maneiras de agir, e falar,
São aparentes motivos pra brigar.
Brigamos por tudo e por nada,
Falamos sem nem sequer pensar!
Até já disse pra você, que isso não é amor, 
Que é pura loucura!
A gente não se entende mais!
E a cada vez que isso acontece,
 Você jura que não vamos mais brigar.
Mas nunca é assim!
Já entendi que eu não nasci pra você, e você não foi feito pra mim!
Ah se eu conseguisse falar tudo o que quero!
Ah se ao menos eu conseguisse dizer tudo o que penso!
Mas sinceramente nem tenho certeza se é isso o que desejo!
Não tenho mais certeza de nada!
Ah se ao menos eu conseguisse falar!
Se ao menos eu conseguisse dizer adeus!

Di Vieira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Benditas estradas, sinuosos caminhos

Juliana

Luz, câmera, ação!